1- Priorize a saúde. Assim, será natural (e não uma obrigação) alimentar-se bem, beber muita água e praticar exercícios regularmente.

beber agua

2- Tenha uma agenda. Marcar visualmente os seus dias de treino (e dar prioridade a eles, lembrando que serão provavelmente as únicas horas da semana dedicadas apenas a você) ajuda a evitar o conflito de compromissos e a criar o hábito.

DSC_1308

3- Trace uma meta. Treinar para vencer uma distância ou perder uma quantidade definida de peso ajuda a manter a motivação, especialmente no início, quando os resultados demoram a aparecer. Seja realista nessa meta.

sucesso-na-vida-png

4- Faça o que gosta. Há uma variedade enorme de atividades disponíveis nas academias ou fora delas. Experimente tudo o que lhe parecer prazeroso e escolha uma modalidade para se dedicar. Afinal, perceber que você evoluiu num exercício é extremamente motivador!

DSC_0002

5- Tenha um ídolo. Pode ser um parente, um colega da academia ou uma pessoa famosa: o importante é ter um exemplo de determinação ou de corpo para lembrar que a sua meta é possível de ser alcançada.

sabrina-sato-danilo-borges-divulgação2

6- Acredite. Saber que você é capaz de realizar aquele desafio ou atingir aquela meta já é meio caminho andado. Toda pessoa pode ser feliz, desde que dedique um tempo a si mesma. Então, pense no treino como “o seu momento” e nunca abra mão dele.

DSC_1682

7- Escolha uma playlist. Músicas dão o ritmo ao exercício e fazem o tempo passar mais rápido, assim seu treino ou corrida não será tão cansativo e você poderá até se divertir cantando. Além disso, elas ajudam a relaxar e baixar a frequência no final.

playlists

8- Não pense duas vezes. Arranjar uma desculpa para matar o treino é a coisa mais fácil do mundo, mas o arrependimento que vem depois também não é moleza. Tenha em mente a lista de benefícios que aqueles poucos minutos de exercícios trarão ao seu dia (um corpo bonito, disposição, saúde, confiança, bom humor…), vista seus tênis e simplesmente abra a porta ou me espere chegar rsrsr. Feito isso, não dá mais para voltar atrás.

musculacao-feminina

9- Ache uma companhia. Treinar com um amigo, namorado ou mesmo com a sua mãe pode ser melhor do que você imagina: o exercício reforça os laços e uma pessoa estimula a outra a não desistir.

DSC_0778

10- Contrate um personal ou entre para uma assessoria esportiva. Seja para a academia, treinos a domicilio ou para a corrida, ter um professor aumenta a “responsabilidade” em relação aos treinos – se alguém está te esperando, você pensará duas vezes antes de faltar. O acompanhamento profissional também é uma garantia a mais de que os seus treinos darão o resultado que você espera.

DSC_0333


Deixe uma resposta